Follow by Email

terça-feira, 14 de junho de 2011

Continuação. - VISITA COMPORTAMENTAL

Olá pessoal.
Hoje terminaremos a saga com o terceiro post relacionado a categoria de trabalhos com cães.
Vários amigos e clientes me apareceram com essa dúvida:
Renan eu vejo em alguns lugares os termo Adestramento, Reabilitação e Visita Comportamental. O que é, de fato, cada uma dessas modalidades?
No meu trabalho eu descrevo cada um deles dessa forma que vocês estão vendo e terminarão de ver hoje. Pode ser que vejam outros profissionais dizendo que Adestrar é a chave de tudo. Eu discordo, já vivi muitos casos de cães que foram adestrados e continuam tendo problemas comportamentais. Pra que serve ter um cão que senta quando você pede, mas tem medo de tudo que está ao seu redor? Mas cada um tem seu ponto de vista de acordo com suas experiências. Portanto, tudo que escrevi e que escreverei é baseado em anos de trabalho, estudo e vivência com esses maravilhosos companheiros.
E uma das razões que escolhi me especializar é para poder fazer os DONOS viverem uma vida prazeroza (para ambos) com seus cães. Amar é ser feliz e proporcionar felicidade ao outro.


Enfim, vamos lá. Já falamos de Adestramento e de Reabilitação.


Agora é a vez da Visita Comportamental.

A Visita Comportamental é quando um profissional vai a sua casa tentar resolver o "problema" do seu cão.
Nem sempre o "problema" do cão é resolvido dentro de casa, a grande maioria das vezes o problema é resolvido fora de casa com um trabalho de calma e algumas sessões, o que passa a ser a Reabilitação. A Visita Comportamental dita o que o cão precisa. Ele pode precisar de liderança por parte dos donos, pode precisar de exercícios com mais frequencia, pode precisar de regras, ou também de tudo isso junto.
Talvez o xixi por toda a casa é só pra te mostrar que é ele que manda ou que ele, simplesmente, não sabe onde deve fazer suas necessidades. E é ai que o profissinal deve notar se somente a Visita Comportamental serve ou se seu cãozinho precisa fazer uma Reabilitação, que, neste caso, nada mais é do que Reconstituir a liderança por parte dos donos. As vezes as pessoas pensam que reabilitar só serve para um meliante que coloca a vida de todo mundo em risco. Não é isso! Reabilitar é reconstituir! Pode ser a auto-estima de um cão medroso, que não tem confiança em sí, por exemplo. Que era o caso da minha cachorrinha SRD, Kiara.
A Visita Comportamental pode ser única e resolver o problema ou pode ser seguida de uma reabilitação.
Depende, de fato, do que o seu cão precisa para mudar um comportamento indesejado.

O que interessa é a sua felicidade e a felicidade do seu cão.

Se ele precisa de Adestramento, de Reabilitação ou de uma Visita Comportamental, isso é o de menos. O mais precioso e decisivo é que o dono sentiu que seu cãozinho precisa de ajuda de um profissional . A grande maioria das vezes é o dono que precisa de instruções, por isso que a interação com o dono é de extrema importância. Nenhum cliente meu queria que seu cão tivesse "problemas", porém, precisaram de instruções para resolver essas questões sem problemas maiores futuros.

Lembre-se.
O que importa é a felicidade mútua!
É para isso que trabalhamos e estudamos o máximo possível.

Boa sorte e tudo de bom para você, sua família e seu cão.

quinta-feira, 9 de junho de 2011

continuação... Reabilitação

A Reabilitação também é um trabalho que exige muito conhecimento e dedicação por parte do profissional e do dono.
Reabilitar significa ajudar à reiserção social - Reparar, renovar. Ou seja, é fazer com que o cão volte a viver uma vida equilibrada, natural, harmoniosa. Em muitos casos é fazer com o cão volte as origens.
Todo ser vivo busca o equilíbrio, seja ele Cão, Homem, Macaco, até plantas buscam o equilíbrio, muitas delas vão em busca dos raios de sol para se beneficiar de algo natural e vital.
O ser humano muitas vezes acaba, sem perceber, claro, causando danos difíceis de reparar em seus cães que tanto amam. Isso ocorre por falta de conhecimento, falta de tempo ou várias outras faltas, mas além do cão se prejudicar o homem também é punido por isso. Ter um cão agressivo, ansioso, medroso ou dominate não é algo bom para ninguém, inclusive para o próprio cão.
A reabilitação serve para ajudar o cachorro e o homem a viverem uma vida normal e saudável juntos. O Adestramento em sí, a grande maioria das vezes, não consegue trazer esses benefícios. Reabilitar é mais profundo que Adestrar, não que seja mais difícil ou mais fácil, mas é diferente.
Para adestrar é preciso que já exista uma relação balanceada entre Homem e Cão, quando isso não existe, o melhor a fazer é reabilitar o cão, ensinar o dono e somente depois que surtirem os efeitos da reabilitação o cão deve ser adestrado.
Atualmente não viver uma relação harmoniosa é mais normal que viver, por isso, não deve existir vergonha por parte do dono, e sim vontade de voltar ao equilíbrio. Isso trará benefícios impagáveis.
Obs.: Conte sempre com a ajuda de um profissional de sua confiança.

continua...

domingo, 5 de junho de 2011

Adestramento x Reabilitação x Visita Comportamental

A grande maioria das pessoas acredita que qualquer "problema" em seu cão pode ser curado se ele for adestrado, porém, não é bem assim.
Vamos explicar direitinho para que serve cada um desses trabalhos: Adestramento x Reabilitação x Visita Comportamental. Tenha certeza que todos eles são para o bem do seu companheiro.

O Adestramento é um lindo trabalho que exige perseverança e muita paciência por parte do Adestrador. Ele serve para treinar seu cão a fazer ações que possibilitem maior facilidade na convivência entre você e ele, como sentar, deitar, ficar e vir até você, todos os cães precisam destes comandos básicos, o "aqui", por exemplo, pode salvar a vida do seu cão se ele se soltar da coleira na rua ou escapar quando alguém estiver entrando em casa. O adestramento também serve para farejamento de drogas e armas para a Polícia, farejamento de pessoas para os Bombeiros, Guias de cegos, exibições de Show Dog, entre várias outras coisas.
O legal do Adestramento é que todos os cães gostam de trabalhar, de se sentirem úteis de alguma forma, nós temos que lembrar que grande parte das raças teve um motivo pré-estabelecido para ser criada, e quase todos os motivos foram TRABALHO, portanto, tenha certeza que será muito difícil seu cãozinho não gostar de se sentir útil. Mesmo os SRD's (não gosto muito de srd, prefiro vira-lata, acho mais carinhoso) gostam de se sentirem úteis, isso faz bem para TODOS eles.

(continua...)

Primerio Post - Instinto Canino.

Eu sou um apaixonado por cães desde que me entendo por gente, ou melhor, antes disso.
Meus pais me contam que quando era bem pequeno, já pedia para "dar carinho" em qualquer cachorro que visse na rua, se tivesse dentro de casa ou solto na rua, ia direto ao seu encontro.
Não sei o motivo, mas nunca tomei uma mordida de cachorro algum, nem dentro de casa, nem na rua.
Tenho certeza de que eles tem mais sentidos do que nós, pobres humanos, sabemos.
Enfim, depois de me conhecer por gente, comecei a pesquisar sobre raças, temperamento, comportamento, e conheci o adestramento. Me apaixonei de cara, estudei muito sobre isso, treinei meus cães, os cães dos meus amigos, e, após algum tempo, conheci a Psicologia Canina, amor a primeira vista, de lá prá cá, tenho me dedicado muito para conhecer o máximo possível sobre Pscicologia, Adestramento e Reabilitação Canina.
Se as pessoas soubessem o quanto faz bem o contato com os cães, pequena parcela de NATUREZA que ainda temos em nossas casas, elas viveriam mais e melhor.
Pra você que já ama esses dedicados melhores amigos, sinta-se em casa navegando por este blog, fazendo perguntas por e-mail, comentários ou enviando matérias para postarmos.
Tudo de bom, meus amigos.
Um abraço a todos.